Liderança sucessória

Por Francisney Liberato

A liderança sucessória é indispensável para a sobrevivência pessoal e institucional.

Após ser eliminada da Copa do Mundo de 2019, na França, as jogadoras da seleção brasileira de futebol ficaram bem frustradas com a derrota, apesar de todo o esforço.

A nossa melhor jogadora de todos os tempos, Marta, declarou: “O primordial é que a gente tem que chorar no começo para sorrir no fim. Quando digo isso, é querer mais, é treinar mais, é se cuidar mais, é estar pronta para jogar 90 e mais 30 minutos. É isso o que eu peço para as meninas. Não vai ter uma Formiga para sempre, não vai ter uma Marta para sempre, não vai ter uma Cristiane. O futebol feminino depende de você para sobreviver. Então pensem nisso, valorizem mais, chore no começo para sorrir no fim”.

O tema que extraio da frase de Marta é sobre “as sucessões” tanto do esporte como o da vida cotidiana, partindo do pressuposto da liderança. A jogadora afirma que ela, “Formiga” e a Cristiane, consideradas excelentes jogadoras, não ficarão para sempre no futebol Brasileiro. O tempo já chegou para elas e o preparo físico já não suporta mais aguentar uma partida em alto nível.

E agora, quem as substituirão? Será que temos outras atletas de alto nível como elas? Ou vamos deixar que o tempo enterre o nosso período de “ouro” ofertado por essas brilhantes jogadoras?

No esporte chamado tênis, temos três grandes atletas da atualidade, que são considerados acima da média e que vem colecionando e revezado os títulos do “Grand Slam”, que é equiparado a um título de Copa do Mundo no futebol. Os jogadores excepcionais são: Roger Federer com 20 títulos; Rafael Nadal com 18 títulos; Novak Djokovic com 15 títulos.

Entretanto, vimos que o suíço Roger Federer já está com 37 anos, idade considerada elevada para o esporte, da mesma forma como os demais atletas dessa modalidade. E agora, quem os substituirão? E quando aposentarem, será que continuaremos nos orgulhando das fantásticas partidas de tênis? Mais uma vez reforço a ideia da sucessão, como um ponto relevante a se investir.

Adentrando ao ambiente profissional, familiar e pessoal, será que estamos preparados para a sucessão de novos líderes? Existe uma política de sucessão na sua empresa? O foco da liderança sucessória não é apenas na figura do líder, mas também no empenho das entidades e instituições, que se destacam na medida em que projetam bons líderes no mercado de trabalho. Isso requer planejamento e organização para evitar uma possível defasagem, pois sem um preparo adequado, o risco de gerar um impacto nos resultados é grande, podendo ser fatal e ou até mesmo irreversível.

Você está disposto a se preparar para o processo de liderança? Está disposto a dedicar tempo e atenção a este aspecto da sua vida? O bom líder poderá proporcionar grandes resultados para as empresas, como também, conduzir a um desastre institucional, caso não esteja preparado.

“[…] é querer mais, é treinar mais, é se cuidar maisMarta. É de suma importância estar disposto e preparado para ser um líder, não me refiro apenas da liderança formal, isto é, aquela por detrás da investidura de um cargo formal, como a de um diretor, coordenador, dentre outros, entendo que a liderança deve ser desenvolvida independentemente de um título, pois existem pessoas que se espelham em nós.

Digo e afirmo que vale a pena as instituições investirem esforços necessários para treinar, cuidar e tratar bem os atuais e futuros líderes. Chamo atenção do governante, do dono, do empresário, do pai e mãe de família, a investirem num plano inteligente de sucessão de liderança, proporcionando a todos os funcionários e subordinados a possibilidade de serem treinados e um dia, quem sabe, ocuparem a vaga ou uma posição de liderança.

No relatório sobre Governança em empresas familiares do Instituto Brasileiro de Governança Corporativa, destaca-se o baixo compromisso no que tange ao processo de sucessão: “Segundo a pesquisa global da PwC de 2018, Global Family Business Survey 2018: The Values Effect, 44% das empresas familiares não têm um plano de sucessão. Em nossa pesquisa, o número é ainda maior, com 72,4% das empresas brasileiras respondendo não ter um plano de sucessão para cargos-chave”.

Com intuito de estimular o processo de sucessão, o site “IBC Coaching”, destaca etapas do objetivo desse processo para atingir um resultado excelente: “1. Diagnosticar as necessidades para o plano de sucessão organizacional; 2. Analisar as competências técnicas e comportamentais dos cargos de sucessão; 3. Elaborar sistema de mapeamento das vagas identificadas; 4. Mapear os profissionais talentosos; 5. Elaborar o plano de ação; 6. Treinar as lideranças para, junto ao RH, implementar os processos, com a menor perturbação e desgaste possível”.

Precisamos mudar o cenário caótico que existe sobre o processo de sucessões. Precisamos fazer a nossa parte e nos colocarmos à disposição para contribuirmos com o melhor de nós, aptos a nos capacitar e influenciar o nosso meio, com bons resultados.

Faça a sua parte e valorize este instituto. O plano de sucessão é indispensável em quaisquer áreas da nossa vida, quer nos aspectos pessoal, familiar, empresarial, público, visto que é melhor que “[…] chore no começo para sorrir no fim”. Assim como na seleção brasileira de futebol feminino, um dia “[…] Não vai ter uma Formiga para sempre, não vai ter uma Marta para sempre, não vai ter uma Cristiane”.

Seja você um sucessor!

Francisney Liberato Batista Siqueira é Secretário de Controle Externo, Auditor Público Externo do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso, Palestrante Nacional, Professor, Coach, Mentor, Advogado e Contador.

www.francisney.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s